Déficit de Quarto Nascente

Desperto com o meu próprio grito: socorro-corro-corro. No corpo cansado, suor, sede e solidão. Câimbras e angústias. Tateio a metade desocupada da cama – luto secreto por todos que se foram – que num automatismo previsível conduz à mesinha de cabeceira. Tateio. Livro, óculos, relógio, água. Bebo. A sede já se encolhe. Miúda – some.

Afundo a cabeça no cheiro que adivinho ser travesseiro. Os pensamentos acordam. Me vem a criança que pergunta mãe, por que a gente dorme? Pra esquecer um pouco, meu filho. Não devia ter dito isso, devia ter tentado ser mais mãe. Devia ter iludido mais. E me vem o poeta, as contas, a rotina, acendo o abajur.

No silêncio, esbarro em armadilhas que prometem decifrar o vazio. Astuta, repito tal um mantra: vazio é só fome. Vazio é só fome. Vazio não dorme. Ligo a TV. Exorcismos urbanos. Desligo a TV. Fito o telefone implorando algo indefinido. Impotente, finjo respeitar seu silêncio. Penso, leio. Penso, adormeço.

Num vagão de trem lotado por pessoas dos mais variados odores, vê-se um rato cinzento surgir na plataforma. Se equilibra nas patas traseiras. Nas dianteiras, segura um guarda chuva na direita e me aponta com a esquerda. Todos me olham. As gargalhadas irrompem nas gargantas. Socorro. Corro. Corro.

O rato também é canhoto.

Anúncios

Tags:

Uma resposta to “Déficit de Quarto Nascente”

  1. eu Says:

    saudade. silencio. cartas diarias e nunca escritas. ainda silencio
    inercia … que provoca o silencio
    e de repente o movimento
    pode ser as asas de uma borboleta que nunca seriam sentidas,
    mas foram e causaram um silencio menor
    que o silencio diminua!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: